Informação sobre emprego, dinheiro e economia em geral, mediante a sua caracterização e conjuntura envolvente.

Salário Líquido: Como Calcular

0

Salário líquido, depois de várias especulações na cabeça de muitos Portugueses e contribuintes, a apresentação do orçamento de estado para este ano ser conhecido a pergunta era; mas afinal, qual era o valor do salário que iria passar a receber mensalmente? Este orçamento prevê a mudança de escalões de IRS, a criação de uma sobretaxa de 3,5% e a distribuição de subsídios em duodécimos.

Logo de seguida assiste-se à publicação das tabelas de retenção na fonte, possibilitando fazer contas aos seus salários. Depois de efectuar simulações aos salários mensais até 2700 euros, os contribuintes podem até sentir um aumento enganador do seu rendimento mensal, devido à inclusão dos duodécimos, o que não se verifica a partir deste valor.

salário líquido

Como calcular o salário líquido 

Taxas de retenção

O seu salário mensal bruto, por exemplo 1000 euros, trabalhador do setor privado, solteiro e sem filhos a taxa de retenção na fonte a aplicar será de 13,5%, significa que aos 1.000 euros terá de retirar uma parcela de IRS no valor de 135 euros, não se esqueça também de retirar 11% do seu salário bruto para a segurança social, ou seja 110 euros.

Sobretaxa

Esta taxa será cobrada todos os meses no valor de 3,5% e é aplicada aos montantes que excedam o salário mínimo nacional, 485 euros.

Tomando como exemplo o já mencionado temos assim, o valor da sobretaxa de IRS retida mensalmente é de 9,45 euros.

Sobretaxa valor= salário bruto (1000 euros) – retenção de 13,5% de IRS (135 euros) – 11% da segurança social (110 euros) – salário mínimo (485 euros)* 3,5%.

Duodécimos

No setor privado 50% do subsídio de natal e de férias ao longo dos 12 meses de 2013, o restante 50% em Julho e Novembro. Na função pública o subsídio de natal será pago por duodécimos o subsídio de férias está vetado a quem tem um salário superior a 1100 euros. Quem recebe de salário, entre os 600 e os 1.100 euros sofre uma redução no subsídio de férias, se recebe menos de 600 euros, passa ao lado dos cortes.

Tomando sempre como exemplo o referido acima; retenção de IRS dos subsídios, taxa de 13,5%, ou seja, 135 euros de cada um dos subsídios e retirar também a parcela para a segurança social, 11% ou 110 euros de cada subsídio, sobretaxa de 3,5% que também vai incidir sobre os dois subsídios, retire esse valor também, 9,45 euros por ano, e por cada subsidio.

Resumindo o valor é 1491,10 euros (745,55 euros + 745,55 euros).

Se resolver receber através dos duodécimos, deve somar ao salário mensal 62,13 euros com 50% do subsídio de férias e 50% do subsídio de natal / 12. Este contribuinte nestas circunstâncias, vai receber de salário líquido em 2013, 745,55 euros sem inclusão dos duodécimos, ou então 808 euros de salário, optando pela diluição dos subsídios.

Não perca a oportunidade de assim aproveitar e beneficiar destas orientações sobre o salário líquido. Transmita-nos as suas opiniões! Não perca a oportunidade de saber quanto vai pagar ou receber através do salário líquido, partilhe este artigo, ou deixe um comentário, sobre a sua experiência.

Deixar Resposta